Em operação policial, Clínico Geral é preso pela polícia

outubro 18, 2019 0


"Com uma lista corrida extensa, criminoso é preso novamente no bairro do Vinhais"

Após dezenas de prisões e com uma ficha corrida inimaginável, a Polícia Civil prendeu mais uma vez, o “clínico geral”, Nilson Robson de Lima Lopes. Ele tem o apelido, por atuar em diversas áreas de crime, como roubo, furto, assaltos. Desta vez, o acusado foi preso pela pratica do furto qualificado. O crime ocorreu em um salão de beleza, localizado no bairro do Vinhais. Na ação criminosa fora furtado R$ 5 mil reais, em joias e demais objetos. Ao ser preso pela Polícia Civil, na tarde desta sexta-feira (18), ele já tinha repassado os objetos para um receptador, o qual também foi preso.

As informações dão conta, que a Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), após investigações, prendeu o já conhecido por diversos crimes no bairro do Vinhais e adjacências, o acusado Nilson Robson de Lima Lopes, teve a sua prisão por conta do crime de Roubo Qualificado. O meliante teria roubado no bairro do Vinhais, diversas joias, avaliadas em R$ 5 mil reais, além de televisores e outros utensílios.

Nas investigações para o prender, a Polícia Civil, por conta da equipe do 4º DP, identificou o acusado Nilson Robson.  Ele já praticou uma infinidade roubos na região. Somente no bairro da Cohama, o criminoso já roubou dezenas de estabelecimentos comerciais. Consta na sua lista de vítimas, a Karoldelícias, Boticário, Farmácia garrido, LC Promoções, Pague Menos. Todas as lojas, do lado direito do bairro da Cohama.

O prende e solta da estrela


 Francisco José e Nilson Robson

Há também registro por meio do 8º BPM, onde ele já fora preso diversas vezes. Sendo, que não se entende, como suas saídas autorizadas pela Justiça; são tão rápidas, como as suas prisões realizadas pelas polícias Civil e Militar. Após furtar o Salão de Beleza, ele teria repassado os objetos para o receptador, Francisco José Oliveira Costa, o qual também responde pelo crime de tráfico ilícito de drogas. A pergunta que não quer calar: Ele vai permanecer preso mesmo?

0 Comentarios "Em operação policial, Clínico Geral é preso pela polícia"