Homicídios Dolosos tem uma diminuição de 29% nos seis primeiros meses de 2019, comparado ao período de 2018

julho 25, 2019 0


As mortes violentas no estado do Maranhão, estão em patamares diferentes aos de outrora, não apenas na capital e região metropolitana de São Luís, mas também nos municípios maranhenses. Os crimes contra a vida diminuíram de forma considerável. As ações das forças de segurança estão tendo um papel fundamental pelos resultados obtidos. Os dados oficiais repassados pela Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) mostram que na capital, os números de crimes de homicídios dolosos no período de janeiro ao final do mês de julho, no ano de 2018, foram 186 crimes, contra 132 praticados no mesmo período de 2019.

Estando próximo do fim do mês de julho de 2019, o comparativo entre os dois períodos do ano de 2018 e 2019, revelam que aconteceu uma redução de 54 pessoas, às quais vieram a óbito. Notadamente, uma redução de -29%, entre 2019 para o ano de 2018. Em relação aos crimes de latrocínio, os roubos seguidos de morte, os quais podem envolver a reação de uma vítima ao ato criminoso, no ano de 2018 aconteceram 14 casos. Já em 2019, foram registrados 16 casos. No tocante às lesões seguidas de morte foram registrados 02 casos em 2018. Sendo que no ano de 2019, foram registrados 03 casos.
No somatório geral, em 2018 perderam a vida, 202 pessoas. Em comparação com o ano de 2019, perderam a vida, 151 pessoas. Uma redução de – 25%.


Ação imediata do Plantão Central de Homicídios por meio do atendimento e a indicação de autoria


Outra ação importante pelo Plantão Central de Homicídios é sobre a rapidez no atendimento das mortes violentas, o que já se consolida na rápida elucidação de mais da metade dos casos. O Plantão Central de Homicídios da SHPP, intensifica também os Mandados de Prisão de homicidas, latrocidas e feminicidas. Em 2016 fora cerca de 16 mandados de prisão, em 2018, a força tarefa da SHPP realizou cerca de 100 mandados cumpridos. Em 2017, a taxa de atendimento pelo Plantão de Homicídios foi de 70%. Em 2018 se elevou para 76%, no número de atendimentos nos locais de crimes. A taxa de indicação de autoria em 2017, foi de 48%. Já em 2018, esse número passou para 51%, na indicação de autoria.

A ação integrada entre as polícias pela resolutividade dos crimes e prisão dos criminosos, de forma geral, tem sido o elo integrador, resultando na diminuição dos crimes contra a vida. As forças de segurança do Maranhão, dentre elas a Polícia Civil, a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e a Superintendência de Polícia Técnico Científica (SPTC), tem contribuído para a diminuição dessa modalidade de crimes contra a vida. O reconhecimento pelos esforços do Governo do Maranhão, pelo Governador Flávio Dino, nos investimentos através da Secretária de Segurança Pública (SSP), na pessoa do Secretário de Segurança, Jefferson Portela, tem sido fundamental para que os resultados tenham surtido efeito. A diminuição dos crimes contra a vida, são fatos que demonstram que de forma integrada, as forças de segurança vem trabalhando pelo bem maior da população do Maranhão, que é a garantia da vida do cidadão. w


0 Comentarios "Homicídios Dolosos tem uma diminuição de 29% nos seis primeiros meses de 2019, comparado ao período de 2018"